RPG
PDF

Revista Zativa – Edição 2

por Lojinha de Universos do Djynz

Preço Sugerido R$5,00

Estamos na segunda edição da Zativa e, como sempre, o tempo passa, mas a diversão não para.

R$

Preço Sugerido R$5,00

Categorias: , , Tags: , , , Itens vendidos: 5

Descrição

Estamos na segunda edição da Zativa e, como sempre, o tempo passa, mas a diversão não para.

Continuamos a correr com nossas vidas. Você leitor, também. As coisas estão mudando mais rápido do que conseguimos acompanhar e talvez este seja um dos motivos para que muitos considerem
uma loucura essa vida agitada. Mas, ao mesmo tempo, as pessoas se acostumam com essa situação, e acabam até viciadas por ela. Todos comandados por um ponteiro que gira em círculos, fazendo os pequenos números das horas sumirem diante de nossos pensamentos.

O mais assustador é que precisamos de tudo isso, dessa correria quenos deixa loucos e lúcidos ao mesmo tempo. Precisamos correr atrás do tempo, pois uma frase dita há tempos já dizia o seu valor.

Às vezes, podemos nos sentir como palhaços ou bobos da corte, tentando divertir alguém que já perdeu seu censo de humor há muito tempo. Porém, é necessário persistir, ainda que com a ajuda de
uma força imaginária que nos faz levantar, mesmo que pareça insano!

Este mês a Zativa trata do tema Joker, Harlequins, Bobos da Corte, Coringas e Mundos Indefinidos. Queremos abordar a passagem de qual o limite para algo comum se tornar insano, e vice-versa.

Entre com a gente nesse novo mundo e lembre-se sempre: por mais que em alguns momentos nos vemos bancando o Bobo da Corte, ele também ri do rei, e não apenas de suas piadas…

Sejam bem-vindos!

Informação adicional

04- Gênero(s)

06- Páginas

07- Sistema de Regras

09- Formato

13- Idioma

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Apenas clientes logados que compraram este produto podem deixar uma avaliação.

blank

Lojinha de Universos do Djynz

Bem vindo à loja de Bugigangas e Antiguidades de Djynz. Universos criados pela psicodelia e o caos da vida. Se conseguirmos imaginar algo, então em algum lugar do infinito ela existe...